Início Policial Padrasto é preso após decepar orelha de enteado com facão

Padrasto é preso após decepar orelha de enteado com facão

0

Repositor de mercadorias, de 31 anos, foi preso na noite desta segunda-feira (18), na Avenida Gunter Huns, em Campo Grande, após tentar matar a esposa, de 51 anos, e o filho dela, de 22, com golpes de facão. O menino teve a orelha decepada e deve passar por cirurgia. As informações são do Campo Grande News.

De acordo com as informações da polícia, o caso ocorreu por volta das 18h20 desta segunda, na Vila São Jorge da Lagoa. A mulher convive com o autor há cerca de 10 anos e, conforme boletim de ocorrência, o homem usa drogas e ingere bebidas alcoólicas todos os dias, ficando agressivo.

No início da noite de ontem, chegou em casa visivelmente alterado e começou a xingar a dona de casa. Ela afirma que o filho presenciou as ofensas, mas sem dizer qualquer palavra, entrou no banheiro para tomar banho.

Em seguida, o repositor então chutou a porta do banheiro e passou a desferir golpes de facão no rapaz. A mulher tentou defender o filho e também foi atacada. O filho dela segurou o padrasto, momento em que a faca caiu no chão e a mulher pegou o objeto. Então, desferiu dois golpes nas costas do marido.

Mesmo ferido, o homem conseguiu fugir do local. A Polícia Militar foi acionada e localizou o autor ferido, na Avenida Gunter Huns. Ele foi levado para a Santa Casa, onde se encontra internado sob escolta policial.

Mãe e filho foram atendidos no posto de saúde do Bairro Coophavilla. A mulher teve uma lesão no dedo, já o filho deve passar por cirurgia na Santa Casa da Capital. Ele apresentava lesões próximas ao tórax e pescoço, além de ter a orelha decepada.

De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher acredita que o marido já tinha a intenção de matar ela e o filho, pois quando o homem chegou em casa, trancou a porta e estava armado com o facão. O objeto foi apreendido pela PM, com marcas de sangue.

Ainda conforme o registro policial, o casal não possui filhos em comum. A mulher já registrou boletim de ocorrência contra ele, solicitando medida protetiva, mas acabou reatando o relacionamento. O caso foi registrado como tentativa de homicídio simples, lesão corporal, ameaça e injúria.

Anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui